O Serviço de Formação Profissional de Vila Real está integrado na rede de Centros de Gestão Direta do Instituto do Emprego e Formação Profissional desde outubro de 1990, tendo como competências genéricas a programação, preparação, execução e avaliação de ações de formação inicial, profissional e contínua.

O Serviço de Formação Profissional de Vila Real (SFPVR) abrange sete concelhos do distrito de Vila Real (Alijó, Mesão Frio, Murça, Peso da Régua, Sabrosa, Santa Marta de Penaguião e Vila Real), três concelhos do distrito de Bragança (Carrazeda de Ansiães, Torre de Moncorvo e Freixo de Espada à Cinta), um concelho do distrito da Guarda (Vila Nova de Foz Côa), nove concelhos do distrito de Viseu (Armamar, Lamego, Moimenta da Beira, Penedono, São João da Pesqueira, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca e Resende), quatro concelhos do distrito do Porto (Felgueiras, Marco de Canaveses, Amarante e Baião) e um concelho do distrito de Braga (Celorico de Basto).

O N-EFVR procura constituir uma resposta dinâmica e oportuna nas diferentes modalidades de formação profissional inicial e contínua, conferindo a respetiva certificação profissional. O Centro de Formação Profissional de Vila Real beneficia de uma articulação flexível com os restantes Centros da Região Norte, assegurando um importante papel na determinação das necessidades de formação e na satisfação das solicitações do mercado de emprego, assim como na dinamização do desenvolvimento da região em que se insere.

A principal finalidade desta ação de formação é dotar os participantes das competências necessárias ao exercício de funções de formador a distância, em diferentes contextos de aprendizagem – formal, não formal e informal e com diversos destinatários, jovens e adultos e ainda modalidades de formação inicial ou contínua – atualização, aperfeiçoamento ou reciclagem.

As unidades de formação que integram esta ação de formação são:

    • M0 - Introdução ao e-Learning e ao Ambiente Online Roteiro do Módulo (10 horas)
    • M1 - Design de Cursos de Formação Online (10 horas) 
    • M2 - Avaliação da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M3 - Dinamização da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M4 - Criação e Utilização de Conteúdos Educativos (10 horas) 
    • M5 - Simulação Pedagógica (10 horas)


A principal finalidade desta ação de formação é dotar os participantes das competências necessárias ao exercício de funções de formador a distância, em diferentes contextos de aprendizagem – formal, não formal e informal e com diversos destinatários, jovens e adultos e ainda modalidades de formação inicial ou contínua – atualização, aperfeiçoamento ou reciclagem.

As unidades de formação que integram esta ação de formação são:

    • M0 - Introdução ao e-Learning e ao Ambiente Online Roteiro do Módulo (10 horas)
    • M1 - Design de Cursos de Formação Online (10 horas) 
    • M2 - Avaliação da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M3 - Dinamização da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M4 - Criação e Utilização de Conteúdos Educativos (10 horas) 
    • M5 - Simulação Pedagógica (10 horas)


A principal finalidade desta ação de formação é dotar os participantes das competências necessárias ao exercício de funções de formador a distância, em diferentes contextos de aprendizagem – formal, não formal e informal e com diversos destinatários, jovens e adultos e ainda modalidades de formação inicial ou contínua – atualização, aperfeiçoamento ou reciclagem.

As unidades de formação que integram esta ação de formação são:

    • M0 - Introdução ao e-Learning e ao Ambiente Online Roteiro do Módulo (10 horas)
    • M1 - Design de Cursos de Formação Online (10 horas) 
    • M2 - Avaliação da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M3 - Dinamização da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M4 - Criação e Utilização de Conteúdos Educativos (10 horas) 
    • M5 - Simulação Pedagógica (10 horas)


A principal finalidade desta ação de formação é dotar os participantes das competências necessárias ao exercício de funções de formador a distância, em diferentes contextos de aprendizagem – formal, não formal e informal e com diversos destinatários, jovens e adultos e ainda modalidades de formação inicial ou contínua – atualização, aperfeiçoamento ou reciclagem.

As unidades de formação que integram esta ação de formação são:

    • M0 - Introdução ao e-Learning e ao Ambiente Online Roteiro do Módulo (10 horas)
    • M1 - Design de Cursos de Formação Online (10 horas) 
    • M2 - Avaliação da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M3 - Dinamização da Aprendizagem Online (10 horas)
    • M4 - Criação e Utilização de Conteúdos Educativos (10 horas) 
    • M5 - Simulação Pedagógica (10 horas)


O curso "Competências Empreendedoras e Técnicas de Procura de Emprego" procura proporcionar às pessoas em situação de desemprego soluções que facilitem a sua (re)integração no mercado de trabalho e que concorram para:

  • Consciencializar para a importância do conhecimento do mercado de trabalho no planeamento e desenvolvimento do projeto profissional;
  • Promover o desenvolvimento de competências de pesquisa e análise de informação sobre mercado de trabalho;
  • Reconhecer a existência da multiplicidade de fontes de informação sobre o mercado de trabalho;
  • Identificar alvos profissionais;
  • Promover a adoção de uma atitude pró-ativa face à situação de desemprego, potenciando o empreendedorismo e a disponibilidade para a mobilidade enquanto estratégia favorecedora da empregabilidade;
  • Identificar as vantagens e os riscos de ser empreendedor;
  • Reconhecer a ideia de negócio e definir as fases de um projeto;
  • Identificar as diferentes formas de realizar candidaturas espontâneas e desenvolver competências ao nível das diferentes formas de realização de candidatura espontânea;
  • Reconhecer a importância da preparação de uma entrevista de emprego;
  • Identificar atitudes e comportamentos a adotar na situação de entrevista;
  • Reconhecer a importância da avaliação de uma entrevista de emprego;
  • Elaborar o CV e uma carta de apresentação para candidatura espontânea;
  • Identificar e descrever as diversas oportunidades de inserção no mercado e respetivos apoios, em particular as Medidas Ativas de Emprego
  • Apresentar candidatura a, pelo menos, uma oferta de empego registada numa bolsa de emprego.

O curso de "Desenvolvimento Pessoal e Técnicas de Procura de Emprego" procura proporcionar às pessoas em situação de desemprego soluções que facilitem a sua (re)integração no mercado de trabalho e que concorram para:

  • Promover e permitir um primeiro momento de reflexão individual acerca das suas características pessoais;
  • Identificar as competências adquiridas ao longo da vida;
  • Explicar a importância da adoção de uma atitude empreendedora como estratégia de empregabilidade;
  • Consciencializar para a importância  do conhecimento  do  mercado de trabalho no planeamento e desenvolvimento do projeto profissional;
  • Identificar as competências transversais valorizadas pelos empregadores;
  • Reconhecer a importância das principais competências de desenvolvimento pessoal na procura e manutenção do emprego;
  • Promover o desenvolvimento de competências  de pesquisa e análise de informação sobre mercado de trabalho;
  • Reconhecer a existência da multiplicidade de fontes de informação sobre o mercado de trabalho;
  • Identificar alvos profissionais;
  • Promover a adoção de uma atitude pró-ativa face à situação de desemprego, potenciando o empreendedorismo e a disponibilidade para a mobilidade enquanto estratégia favorecedora da empregabilidade;
  • Aplicar as regras de elaboração de um curriculum vitae, identificar e selecionar anúncios de emprego e reconhecer a importância das candidaturas espontâneas;
  • Identificar e adequar os comportamentos e atitudes numa entrevista de emprego.